Páginas

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

O Fruto do Espírito: Amor e Alegria.

Paz a todos,

    eeehhhhhhhh vamos começar então a ver de fato as virtudes do Fruto do Espírito. Vamos lá?

        "Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei." Gálatas 5:22-23.

    Há uma classificação comum destas virtudes: amor, alegria e paz (meu relacionamento com Deus); longanimidade, benignidade e bondade (meu relacionamento com os outros); fidelidade, mansidão e domínio próprio (relacionamento comigo).

    Vejamos algumas virtudes separadamente:

    Amor


    Na língua grega amor (ágape) é uma palavra distinta para descrever a natureza do amor de Deus.

        "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." João 3:16.

    Ele nos amou sem que oferecêssemos motivos para que Ele nos amasse. E é esse amor que o Espírito derrama em nossos corações.

        "E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado." Romanos 5:5.

    para que possamos obedecer ao mandamento de Jesus: "O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei." João 15:12.

    No "Hino do Amor" (I Co 13), Paulo apresenta quinze características do amor: é sofredor, benigno, não é invejoso, não se ufana,não é soberbo, não é indecoroso, não é interesseiro, não se irrita, não se ressente do mal, não se alegra com a injustiça, alegra-se com a verdade, tudo aguenta, tudo espera, tudo suporta.

    O amor expressa o conteúdo total da fé cristã. O amor é a essência do caráter divino: DEUS É AMOR (I Jo 4.8).


    Alegria


    A alegria (no grego "charis") é o gozo da graça, é um bem estar espiritual, resultado de uma correta relação com Deus. A fonte desta alegria é o Senhor (Fp 3.1. 4.4,10; Rm 12.12). É a chamada "alegria da fé" (Rm 15.13).

        "E, tendo esta confiança, sei que ficarei, e permanecerei com todos vós para proveito vosso e gozo da fé" Filipenses 1:25

    e a "alegria no Espírito Santo" (I Ts 1.6).

        "Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo."

Romanos 14:17.

    Esta alegria independe das circunstâncias externas e pode ser desfrutada em meio as tristezas e aflições desta vida.

Rosan G. Silva.

    Hoje quis colocar duas virtudes do Fruto do Espírito, o que acharam? Ficou extenso ou ficou bom?

Beijo e paz.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

O fruto do espírito: o que é o fruto?

Paz a todos,

     hoje vamos ver um pouco sobre o que é um fruto de acordo com a Palavra de Deus, vamos lá?

    O que é o fruto?

    A metáfora do "fruto" aparece várias vezes no Novo Testamento, designando sempre algum resultado: 



"Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;" Mateus 3:8.

"Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?" Mateus 7:16.

"Não quero, porém, irmãos, que ignoreis que muitas vezes propus ir ter convosco (mas até agora tenho sido impedido) para também ter entre vós algum fruto, como também entre os demais gentios." Romanos 1:13.

"(Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade);" Efésios 5:9.

"Portanto, ofereçamos sempre por ele a Deus sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que confessam o seu nome." Hebreus 13:15.

    O fruto do espírito são qualidades morais divinamente implantadas. São resultado da ação do Espírito em nosso caráter.

  •     Primeiro: sua origem é sobrenatural: "do Espírito" (genitivo grego que indica fonte ou causa). Enquanto as "Obras da Carne" são atos que praticamos naturalmente, o "Fruto do Espírito" é de responsabilidade do próprio Espírito. Precisamos ter humildade, pois não podemos produzir este fruto.



  •     Segundo: o seu crescimento é natural. O "Fruto" faz parte da "lei da semeadura e da colheira".


        "Aquilo que o homem semear, isto também ceifará" Gálatas 6.7.

    O nosso interior é como um campo onde estamos semeando diariamente. Aquilo que você semear você irá colher. 



        "Semeie um pensamento e você colherá uma ação; semeie uma ação e você colherá um hábito; semeie um hábito e você colherá um caráter, semeie um caráter e você colherá um destino".

    Se você deseja que o Espírito Santo produza o fruto em você, forneça-lhe os meios: oração e leitura bíblica. "A graça nos confere os meios para colhermos abundantemente safra espiritual".

  •     Terceiro: a sua maturidade é gradual. Antes de ser um fruto maduro, há etapas que precisam ser cumpridas. Isto demanda tempo: primeiro a flor, depois o embrião e por fim, o fruto.



        "Porque a terra por si mesma frutifica, primeiro a erva, depois a espiga, por último o grão cheio na espiga." Marcos 4:28.




    O Espírito Santo não tem pressa e um caráter cristão maduro é resultado de uma vida inteira.



Rosan G. Silva.

    E aí povo santo, gostaram? A linguagem do nosso irmão é mais culta que a minha algum problema com isso? Tá tudo bem pra entender? Estou gostando demais deste estudo achei bem profundo e enriquecedor.

Beijo e paz.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Nova série: O fruto do Espírito: introdução.

Paz a todos,

    depois de falar das obras da carne (consequências do pecado em nossas vidas), claro que não podia deixar de falar do Fruto do Espírito (consequência da atuação do Espírito Santo em nossa vida). Este estudo também não é de minha autoria, são estudos que são feitos na minha igreja e conforme vão acontecendo posto aqui (pra não ficar cansativo vou dividindo em posts...).

    Chega de blá blá blá né minha gente, simbora pro primeiro dia desta série.

Introdução

    No interior de cada crente é travado um grande conflito: o Espírito contra a carne.

        "Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. "Gálatas 5:17.

    Até o dia da nossa conversão, a "carne" ou a natureza pecaminosa reinava sozinha.  Nascemos de novo e o Espírito Santo veio habitar em nós com o objetivo de controlar e mudar toda a nossa vida.



    O conflito é inevitável, mas se desejamos uma vida cristã vitoriosa, devemos entregar o controle e a direção da nossa vida ao Espírito Santo.

        "Se vivemos em Espírito, andemos também em Espírito." Gálatas 5:25.


    O Espírito Santo reinando em nós produzirá o caráter cristão. E produzirá em nós as virtudes do caráter de Jesus Cristo. O apóstolo Paulo chama estas virtudes de o "Fruto do Espírito Santo".

        "Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei. " Gálatas 5:22-23.

    Rosan G. Silva.

    E aí pessoal, ansiosos pelo por vir? O que acharam da introdução?

Beijo e Paz.

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Meu aniversário!

Paz povo lindo,


    este post é para agradecer a Deus por mais um ano de vida vivendo dia após dia debaixo da graça e da misericórdia de Deus.



    Nestes 27 anos já vivi tanta coisa, já conheci e me despedi de tanta gente, vi milagres, senti a presença de Deus de formas inexplicavelmente maravilhosas, ouvi ensinamentos incríveis ... pude contemplar a glória de Deus desde coisas gloriosamente grandes como em uma pequena gota de água.

   Aproveito para agradecer a vocês que acompanham o blog, que estão comigo, que depois que me conheceram decidiram não se despedir. Amo cada pessoa que passa por minha vida (mesmo que eu conheça só virtualmente) e oro por suas vidas.

    Amei todos os presentes, mas tinha que terminar este post com um vídeo do Thalles (hino do DVD que ganhei né), claro.


domingo, 26 de agosto de 2012

O poder da palavra: sétimo e último dia da série.

Paz a todos,


     claro que podemos falar do poder da palavra em outras vezes e de diversas outras formas, mas aqui vai se encerra nossa série "O poder da palavra".

    Acho que o mais importante é que você possa refletir, pensar e pensar de novo antes de dizer qualquer coisa. 

    Parece super simples, mas em algumas horas (como em momentos de raiva) fica difícil não errar o alvo, então meu desejo é que possamos clamar a ajuda de Deus para depois não dizer coisas como: quando eu vi, já tinha falado.... e acabar ferindo os outros e trazendo problemas pra nossas vidas.

    Que possamos também buscar conhecer mais da Palavra e da vontade de Deus. Podemos encontrar orientações para tudo na bíblia incluindo como, quando e o que falar!

    Hoje estou dizendo meus "achismos" e gostaria muito que comentassem os de vocês.

  Para realmente encerrar segue este vídeo é super antigo, mas acho que fala algo incrível: "se profetizares maldição, maldição então terá". CUIDADO ao julgar os outros e dizer "o que deveria acontecer com eles" aí você abre espaço pra acontecer coisas em sua vida de acordo com o que VOCÊ faz.


sexta-feira, 24 de agosto de 2012

O poder da palavra: sexto dia

Paz a todos!

    Esta você já deve ter ouvido, mas vale muito a pena.

    As Três Peneiras.

    Um rapaz procurou Sócrates e disse que precisava contar algo para ele.

    Sócrates ergueu os olhos do livro que lia e perguntou:

    - O que você vai me contar já passou pelas três peneiras?

    - Três peneiras?

    - Sim, a primeira delas é a Verdade. O que você quer me contar dos outros é um fato? Caso tenha ouvido contar, a coisa deve morrer aí mesmo.

    Mas, suponhamos então que seja verdade. Então devemos passar para a segunda peneira: a Bondade.

    O que você vai contar é coisa boa? Ajuda a construir ou destruir o caminho e a fama do próximo?

    Se o que você vai contar é verdade e é coisa boa deve passar pela terceira peneira: a Necessidade.
  
    Convém contar? Resolve alguma coisa? Ajuda a comunidade? Pode melhorar o planeta?

    Então, Sócrates conclui:

    - Se passar pelas três peneiras, conte! Eu, você e seu irmão nos beneficiaremos.

    Caso contrário esqueça e enterre tudo. Será uma fofoca a menos para envenenar o ambiente e levar discórdia entre irmãos e colegas.



    PESSOAS INTELIGENTES FALAM SOBRE IDEIAS.

    PESSOAS COMUNS FALAM SOBRE COISAS.

    PESSOAS MEDÍOCRES FALAM SOBRE PESSOAS.




    E aí já conheciam a historinha? Gostaram?

O poder da palavra: quinto dia

Paz a todos!

    Trago hoje para vocês dez dicas preciosas de como usar as palavras em seu favor:

   1) Cuidado com a palavra não. O não existe apenas na linguagem e não na experiência, quer ver? Por exemplo pense em NÃO... não vem nada a mente não é? Agora vou lhe pedir não pense na cor verde ... eu pedi para você NÃO pensar na cor verde e você provavelmente pensou!
    Procure falar de forma positiva, diga o que você quer e não o que você não quer. Por exemplo, ao invés de "Não mexa no meu computador" você poderia falar "No meu computador só quem mexe sou eu".


   2) Cuidado com a palavra "Mas", que nega tudo o que vem antes. Por exemplo, ao invés de "Pedro é um rapaz inteligente e esforçado, mas costuma chegar atrasado" poderíamos dizer "Pedro é um rapaz inteligente e esforçado e costuma chegar atrasado". Percebeu a diferença? Como no primeiro você chegou a questionar a inteligencia e o esforço de pedro?


   3) Cuidado com a palavra tentar, que dá ideia de que há possibilidade de falhar. Por exemplo, ao invés de "Vou tentar encontrar você às 8 horas", diga, "Vou encontrar você às oito horas". Na primeira frase parece que tenho grande chance de NÃO ir, MAS vou tentar ... não tente, FAÇA!
    
   4) Cuidado com Não Posso ou Não Consigo, dá a ideia de que você não é capaz, não tem capacidade. Use: Não Quero, Não Podia,Não Conseguia ... assim dá a ideia que vai conseguir, que vai poder.





  
  
    5) Cuidado com as palavras Devo, Tenho que, ou Preciso,elas dão a ideia de que algo exteno controla a sua vida. Use quero, decido, vou.



    

    6) Quando falar de problemas ou coisas negativas de você mesmo, use os verbos no Passado. Isto libera o presente para alcançar o futuro, por exemplo: " eu tinha dificuldade de fazer isto".



    
   7) Fale das mudanças desejadas para o futuro usando verbos no presente.   Ao invés de "vou conseguir", diga "estou conseguindo".

    

    8) Substitua Se por Quando. Ao invés de dizer "se eu conseguir dinheiro vou viajar" diga "quando eu conseguir dinheiro vou viajar".




  9) Substitua Espero por Sei. Ao invés de "eu espero aprender isto" diga "eu sei que vou aprender isto". Esperar dá a ideia de dúvida e enfraquece a linguagem.





    10) Substitua o Condicional pelo Presente. Ao invés de "eu gostaria de agradecer a presença de vocês",diga "eu agradeço a presença de vocês". O verbo fica mais forte e concreto.







    É muito importante falar corretamente. O que nos diferencia dos animais é o som ordenado que transmite a sabedoria, o conhecimento e a capacidade de comunicação com Deus. Temos aqui ferramentas poderosas para termos maior controle de nós mesmos?

    E aí povo, que vocês me dizem?

O poder da palavra: quarto dia.

Paz a todos,


    Hoje venho a falar para você sobre as palavras em um relacionamento.


    Quando duas pessoas se amam, cada pequeno detalhe é importante para o outro. No amor as coisas mais simples são as mais importantes. Quer saber uma coisa simples e importantíssima? A amizade.

    Pessoas que se amam são amigos íntimos. 

    Quer saber se um casal vai ter um bom relacionamento? Veja se são bons amigos.

    Um namoro ou casamento sem amizade é uma convivência entre estranhos para ir administrando a vida, é um nada.



    Uma escritora chamada Maria Helena Matarazzo afirma que é fundamental num relacionamento que as pessoas conversem sobre as coisas do dia a dia, sobre o que fizeram, a política, o trabalho, os acontecimentos diários...até mesmo aquilo que não conversamos com mais ninguém como nossos ataques de fúria, nossos medos. Assim vamos se conhecendo, se descobrindo, são estas trocas  que aprofundam o amor.


   Pare pra pensar:

    - Quais são as palavras que mais saem de sua boca? São palavras de amor, de irritação, palavras ditas só por falar, palavras que apoiam, que ridicularizam?

    - Como você transmite as palavras? Com humildade ou com arrogância?

    - Por que as palavras são importantes para um relacionamento?

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

O poder da palavra: terceiro dia.


Paz a todos,




    estamos nesta semana falando sobre a "palavra", não basta só saber o que dizer e como dizer, temos que saber quando dizer!


    "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu"Eclesiastes 3:1.

    Sim nós temos que pensar antes de falar algo e sentir em cada situação qual o momento e o jeito certo de dizer as coisas. 

    Quer ver um jeito bem fácil de ver alguém dizendo algo na hora errada? Observe algum casal (claro que estou generalizando e que isto acontece pelo convívio). Muitos casais falam o que não devem na hora da raiva (hora errada) e vão deixando seu relacionamento cada vez pior.

    Você sabia que há situações em que a palavra mais forte pode ser o 




    Pense quantas vezes você: fala demais, fala o que não deve, fala o que não sabe, fala para a pessoa errada, fala no momento errado e da forma errada. Precisamos aprender duas coisinhas importantíssimas: escutar e silenciar.

    Meu querido, cristão não é aquele que quer sempre ser o "senhor" da razão, mas aquele que age segundo a razão e coração do Senhor.

     Mas fica esperto! Não estou dizendo que você tem sempre que se calar, não. Existem momentos em que as palavras são importantes e necessárias, em que uma única palavra pode fazer toda a diferença.

    "Tempo de rasgar, e tempo de coser; tempo de estar calado, e tempo de falar."


    Aqui vai outra historinha para ilustrar:


       
         Durante 35 anos o marido dormiu do lado esquerdo da cama e a esposa do lado direito. Certo dia os dois estavam conversando e a esposa falou:
        - Nestes 35 anos em que estamos dormindo juntos, preferia ter dormido do outro lado da cama.
        O marido respondeu:
        - Engraçado, eu também prefiro dormir do outro lado. Por que não conversamos isto antes?





     História simples e você pode ter pensado: aff como é que eles não falaram antes de uma coisa tão simples? Aí eu te pergunto: será que não tem coisas tão simples que você fica guardando e que se falasse na hora certa e do jeito certo não se resolveriam?


    Isto tudo não é fácil porque não tem fórmula certa de que hora falar e que hora silenciar, mas quando somos espirituais (vivemos de acordo com a vontade de Deus) o Espírito Santo nos direciona.

    Quantas vezes você até pensou: ah eu não deveria falar isto ... e acabou falando. Ou mesmo se arrependeu de algo que falou, porque na hora o que importava era o seu eu , a sua reputação, a sua vontade... (e a historinha de Deus em primeiro lugar onde fica?)

    E você, sabe o momento certo de falar e o que falar?

terça-feira, 21 de agosto de 2012

O poder da Palavra: segundo dia.

Paz a todos,


    cada palavra tem seu significado (claro), mas a forma como elas são ditas fazem toda a diferença. 
    


    Já aconteceu com você de quer dizer uma coisa e acabar dizendo outra?  Ou a pessoa que está te ouvindo entender algo totalmente diferente do que você queria dizer?


    Para ilustrar segue uma pequena história (a autoria é de Giovani Ascari, mas fiz algumas modificações):



        "Havia uma certa vez uma jovem muito bonita que tinha dois pretendentes: um deles era mais reservado e mais calado e o outro era muito extrovertido e brincalhão. Este último sempre falava para os outros o quanto aquela moça era bonita e o quanto ela a queria do seu lado, depois de um tempo quase toda a cidade já conhecia a moça de tanto que seu pretendente fazia propaganda. E num belo dia, finalmente, a moça se casou e adivinha com quem? O o moço reservado que não ficava falando dela pra todo mundo.

        Na saída da igreja perguntaram ao vaidoso:
        - O que aconteceu? Você não dizia que ela era linda? A mais bela da cidade? 
        Então o jovem respondeu
        - O problema é que enquanto eu falava PARA ela o outro falava COM ela."


    Percebeu a diferença? Por que palavras bonitas e elogios não foram suficientes? Qual foi o segredo que colocou força nas palavras do pretendente mais reservado?

    Um grande segredo é saber falar com paixão e não só com palavras, vale o falar com os olhos, com gestos, com o silêncio, com a alma.

    Para acertar o alvo também é preciso ter prudência no que falamos:


Abre a sua boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua.Provérbios 31:26
O que despreza o seu próximo carece de entendimento, mas o homem entendido se mantém calado.Provérbios 11:12




  
   Em tudo precisamos pedir a orientação de Deus, até mesmo no falar. 
   Amanhã falarei um pouco sobre o "momento certo".
   E aí meus irmãos queridos, vamos vigiar nossa boquinha e começar a usar as palavras em nosso favor (e em favor do Pai para que possamos proclamar a Palavra de Deus de forma eficaz).

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

O poder da palavra: primeiro dia.

            Paz a todos!

         Decidi fazer a vocês uma semana de posts falando sobre a palavra (é isso mesmo com letra minúscula mesmo, as palavras faladas, escritas, pensadas...). Tudo que vou escrever será baseado na escritora Lya Luft (são coisas muito conhecidas, as vezes você já ouviu bastante sobre isso, mas é o tipo de coisa que não podemos esquecer).

            Você já parou pra pensar no poder das palavras? Na força que uma palavra tem? Infelizmente faz parte da minha rotina diária ver pessoas que falam o que querem, sem pensar nem um pouco nas consequências.

            As palavras fazem parte de nossa essência, com elas nos aproximamos dos outros, nos entregamos ou nos negamos, apaziguamos, ferimos ou matamos (eh isso aí tem palavras que matam, que consomem, que destroem, muitas vezes as palavras podem ofender mais do que a realidade).

             Com uma palavra tomamos nossa escolha: "Vá", "Fique", "Sim", "Não".

              Viemos ao mundo para dar nomes as coisas assim somos senhores delas:

              "E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar. "Gênesis 2:15.
              "Havendo, pois, o SENHOR Deus formado da terra todo o animal do campo, e toda a ave dos céus, os trouxe a Adão, para este ver como lhes chamaria; e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome." Gênesis 2:19-20.

              Vou usar muitos posts pra falar do poder das palavras, mas antes quero que pense:

                       - Quais palavras tem saído de minha boca?

             - O que mais tenho dito?

             - O que digo em momentos de ira?

             - Minhas palavras servem para aconchegar ou afastar os que me cercam?

             - Penso no que vou dizer ou saio dizendo tudo que quero e como quero?

             - Já matei alguém com minhas palavras? (pode ser uma ideia, um plano, um sonho de alguém...)

                  E aí vamos estudar sobre o poder das palavras?

           
 

domingo, 19 de agosto de 2012

Novo blog

Amados e amadas,

não o blog não vai acabar, muito pelo contrário. Para que este blog não se misturasse com meus posts de unhas e beleza criei um blog novo só pra isso: Beleza Deslumbrante.

Os interessados serão super bem vindos.

Aqui postarei mais sobre a Palavra, nossa vida com Deus e posts que nos elevem o espírito nos colocando mais pertinho do Senhor.

O que acham?


Beijo e paz.

sábado, 18 de agosto de 2012

Estudo: Obras da Carne.

Paz povo lindo,

é com imensa alegria que trago este estudo que foi ministrado em minha igreja para vocês.

Vocês sabem que meus posts são mais curtos, mas achei que este valia a pena deixar este sem faltar nenhum pedacinho. Sabe quando você lê um trecho da bíblia e deixa passar umas palavras que não entendeu? Aqui não isso não, TODAS as palavras foram bem explicadinhas. Oh Glória!

A irmã que preparou caprichou e é bom ter pra dar uma lembradinha de vez em quando.


Leitura: Romanos 8.6-8,13.

Explicação:

            A carne é a natureza pecaminosa com os seus desejos corruptos a qual continua no cristão mesmo após a sua conversão, sendo seu inimigo mortal.

“O natural é cometer o pecado e ter as obras da carne presentes em nossa vida, o sobrenatural é vencer a carne”.

Leitura: Gálatas 5.19-21.

Explicação:


·         PROSTITUIÇÃO: imoralidade sexual de todas as formas, incluindo também gostar de quadros, publicações e filmes pornográficos.

A palavra também tem como sinônimo a palavra fornicação (sexo antes do casamento).

Há ainda a PROSTITUIÇÃO ESPIRITUAL que é a comercialização da fé, utilizar a fé cristã para benefícios próprios, utilizar o ministério como profissão lucrativa, enganar o povo de Deus a infidelidade com Deus.


·         IMPUREZA: pecados sexuais, atos pecaminosos, vícios, incluindo maus pensamentos e desejos do coração.

Exemplos: Homens e a forma como olham para mulheres; mulheres usando roupas com o intuito de que o homem peque em pensamentos.

Devemos olhar para o nosso próximo como a irmãos.

Nossos olhos são a janela de nossa alma se o nosso interior for limpo tudo o mais será limpo. Mas, se o nosso interior for impuro tudo nos será impuro.

Perguntas para meditar:

- Quais as imagens que veem a sua mente quando deita a sua cabeça no travesseiro?
- No secreto de teu coração e de tua mente, o que vês?
- Seus pensamentos são santos e agradáveis a Deus?

Mateus 5.8.

Nosso corpo é o templo do Espírito Santo, todo que qualquer vício danifica nosso corpo. Devemos zelar pelo corpo que o Senhor nos deu.

                       
·         LASCÍVIA: sensualidade. É a pessoa seguir suas próprias paixões e maus desejos a ponto de perder a vergonha e a decência.

É a carne sendo satisfeita em toda a sua plenitude sendo contrária a lei do Espírito Santo, o qual requer de cada um de nós a temperança. A impureza é o começo da lascívia.

Exemplo: passar sensualidade no falar, no olhar, no vestir, no se postar. Propagandas, novelas e filmes que servem para nos desviar da presença do Senhor.


·         IDOLATRIA: adoração de espíritos, pessoas ou ídolos e também a confiança numa pessoa, instituição ou objeto como se tivesse autoridade igual ou maior do que Deus e a sua Palavra.

A Bíblia chama a avareza de idolatria porque muitos se esquecem de adorar e glorificar a Deus por causa do dinheiro.

           Tudo o que está entre você e Deus é idolatria.

Exemplo: Marido, filhos, esposa, carros, casa, televisão, amizades, cantores, igreja, etc.

Deus tem que ser o primeiro lugar em tudo, o que vier antes disto será a sua idolatria.


·         FEITIÇARIA: Espiritismo, magia negra, adoração de demônios e uso de drogas ou outros materiais nas práticas de feitiçarias.

Astrologia: não devemos buscar a previsão de nosso futuro. Cuidado para não ser enganado com revelações e previsões.

Na vida do cristão não há sorte ou azar, existem bênçãos de Deus e a direção de Deus.

Quando estamos de acordo com a Palavra e confiamos em Deus não precisamos temer o futuro.

Cuidado porque a Bíblia diz que a rebelião é igual ao pecado de feitiçaria (ser rebelde e participar de grupos que se rebelam).

Salmo 139.23-24.


·         INIMIZADES: intenções e ações fortemente hostis, antipatias e inimizades extremas.

            Mateus 22.37-39.

Muitas vezes imaginamos e interpretamos as coisas de maneira errada, tiramos conclusões precipitadas e isto desencadeia uma série de coisas ruins.

Às vezes temos implicância com certas pessoas, não nos simpatizamos com este ou aquele. Achamos que certas pessoas não gostam de nós, que estão querendo o nosso mal e por aí começa a inimizade.

Quando existir uma causa real, devemos orar pela pessoa e perdoar.

Mateus 6. 14-15.

Perguntas para meditar:
- Você tem sido amigo de seus irmãos?
- As pessoas da igreja são tuas amigas?
- As pessoas da igreja te veem como um amigo?

As pessoas que conservam inimizades acabam se tornando fracas e sujeitas as investidas do diabo.


·         CONTENDAS OU PORFIAS: brigas, oposições, lutas por superioridade e discussões.
Pessoas que se sentem magoadas, ofendidas, humilhadas, que querem vingança, que não querem deixar o assunto por isso mesmo e criam contendas.

As contendas, na maioria das vezes, rompem relações. Em geral essas pessoas não conseguem perdoar, não aceitam as repreensões do pastor, se ofendem facilmente com o que outros irmãos lhe dizem.

O que comete a contenda se não for o líder possivelmente sairá da igreja. Alguns até fundam outro ministério, as vezes até com a mesma doutrina só muda o nome da igreja e do líder que agora é ele.

No fundo, as contendas são fruto da falta de amor, amor por Deus e pelas almas, pelos irmãos e pela obra.

I Pedro 4.8.

Provérbios 10.12.


·         EMULAÇÕES: (inveja, ciúmes) ressentimento, inveja amarga do sucesso dos outros.

Geralmente são pessoas egoístas, que desejam o que os outros possuem e torcem pela derrota do próximo, que desejam sempre o mal e até competem com o próximo.


·         IRA: fúria explosiva manifesta através de palavras e ações violentas.

É causada por conflitos pessoais domésticos ou religiosos, contrária a ação do Espírito Santo, transforma em adversários aqueles que deveriam amar-se.
           
           Conseguiremos controlar a ira se formos controlados pelo Espírito de Deus.

            Efésios 4.26,31; 6.4.

            Devemos orar pelo próximo e não resolver nada na hora da ira.


·         PELEJAS: ambição egoísta e cobiça do poder (em algumas traduções está como discórdias que é como a evolução de uma doença que vai se alastrando rápida e descontroladamente nas igrejas de Cristo).

É através das pelejas que surgem rebeliões nas igrejas.

            Romanos 16. 17,18.

Devemos estar sempre em união, em comunhão com Cristo e com a igreja.

O causador da discórdia é como a lepra que vai minando e contaminando todo o corpo até que todos fiquem leprosos.

O cristão como servo deve viver para servir, quando se recusa a servir logo vem sobre ele um espírito egoísta e daí o espírito de anticristo inicia dentro dele uma série de denúncias com o objetivo de destruir.

Salmo 1.1-2.


·         DISSENÇÕES: introduzir ensinos cismáticos (de desconfiança, de separação) na congregação sem qualquer respaldo na palavra de Deus. O dissensor seduz os outros para o seu próprio partido.
            Esta obra é semelhante a discórdia.


·         HERESIAS: dentro da congregação são grupos de indivíduos egoístas que destroem a unidade da igreja.

Heresias são ofensas aos princípios religiosos. Hereges são aqueles que vão contra os valores religiosos.


·         INVEJA: antipatia ressentida contra outra pessoa que possui algo que não temos ou queremos.

É uma mistura de vaidade, cobiça, frustração e ódio. Querer mostrar que tem o que não tem, que é o que não é e que pode mesmo que não possa.

Mesmo que não perceba o invejoso sempre culpa alguém pela sua falta de sucesso, pela sua dor, sua mágoa, seu fracasso e sempre quer ser o centro das atenções.

Mateus 27.17-18

Eclesiastes 4.4.

Tiago 3.16.


·         HOMICÍDIOS: Matar o próximo por perversidade.

Exemplo: Matar com palavras.


·         BEBEDICES: descontrole das faculdades físicas e mentais  por meio da bebida embriagante.

A bebida prejudica o corpo e faz com que cometa ainda outros pecados por estar “fora de si”.
      
      Muitos cristãos até questionam se é pecado beber, acredito que sim, pois é uma das obras da carne e a palavra diz que os que tais cometem não herdarão o reino de Deus.
      
       I Coríntios 6.12.       


·         GLUTONARIAS: diversões e festas com comida e bebida de modo extravagante e desenfreado, envolvendo drogas, sexo e coisas semelhantes.

O glutão além se ser mal educado é carnal, pois come em excesso e também age em excesso.

            Gálatas 5.16.

             Romanos 8.14.




Maria A. B. D. da Costa.


Amem?